segunda-feira, 8 de maio de 2017

Exposição Salvador Dalí - A Divina Comédia 14042017

Nossa turma de "Furiosos" foi visitar a exposição das obras originais do Salvador Dalí concebidas em homenagem a "A Divina Comédia", de Dante Alighieri. A exposição aconteceu no Vale Sul Shopping e contou com 100 obras produzidas em xilogravura.












Mais Informações: (retirado do http://www.valesulshopping.com.br/noticia.php?id=321) 

“Salvador Dalí - A Divina Comédia” reúne uma coleção completa de 100 gravuras do artista espanhol, inspiradas na obra literária de Dante Alighieri, que representam uma viagem cenográfica dos três reinos pelos quais a vida humana passa até atingir a perfeição -- o Inferno, o Purgatório e o Paraíso. Estas gravuras, produzidas através da técnica de xilogravura (gravura em madeira), datam de 1960, são de uma coleção muito rara (H.C. Hors de Commerce), Edição Les Heures Claires, Paris, são assinadas e carimbadas por Dalí, e apresentam uma dimensão de 33 cm x 26 cm. A Exposição conta com a Curadoria da State of the Art e o projeto de arquitetura é da autoria do Diogo Aguiar Studio.

Salvador Dalí interpreta “A Divina Comédia” como uma espécie de viagem tripartida que reflete momentos distintos da sua carreira como pintor: é uma viagem de autoconhecimento, uma análise do artista às profundezas do seu ser, sendo cada gravura o reflexo da sua praxis artística, da sua arte e da sua vida.

A criação - A ilustração de “A Divina Comédia” foi originalmente encomendada pelo Governo italiano, entre os anos 1950-1960, para marcar o 700º aniversário do nascimento de Dante. Dalí começou a trabalhar imediatamente, criando 100 aquarelas. No entanto, a encomenda foi alvo de polêmica, uma vez que o artista selecionado não era italiano, e o projeto original foi então abortado. Dalí, em seguida, fez uma recriação do seu projeto em xilogravura de uma série editada por Joseph Foret, juntamente aos gravadores de madeira Jacquet e Taricco, e começou o processo de transferência dos 100 aquarelas originais para 3.500 pranchas gravadas, que se refletem num resultado surpreendente, tanto do ponto de vista técnico quanto artístico. A técnica de xilogravura permite fazer linhas finas e várias impressões, a partir da mesma prancha de madeira e, para produzir gravuras com várias cores, têm de ser feitas várias pranchas, uma para cada cor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Filmes e Séries: www.i9vadore.com.br

Seguir por E-mail:

Todas as imagens utilizadas nos artigos foram extraídas do Google Imagens